Aplicativo conecta pessoas cegas a voluntários

O aplicativo Be My Eyes conecta pessoas cegas a voluntários com visão normal dispostos a ajudá-las de modo remoto.
[vimeo]http://vimeo.com/113872517[/vimeo]
Criado pelo dinamarquês Hans Jørgen Wiberg, o aplicativo foi concebido a princípio para a utilização residencial. Se pensou na necessidade de descrições de muitas coisas nos ambientes domésticos, que geralmente possuem conexão por Wi-Fi com melhor qualidade. Entretanto, outros usos tem sido comuns, como em lojas, supermercados ou no auxílio em trajetos nas ruas.

A interação funciona da seguinte forma: o usuário aponta seu aparelho para algo que deseje identificar, por exemplo, um produto no supermercado. Em seguida, o sistema procura um voluntário cadastrado que se conecta ao usuário para auxiliar na resposta.

Segundo Wiberg, 99 mil colaboradores em todo o mundo já se inscreveram para atuar como voluntários, e um número menor de 8.000 pessoas cegas.

Por enquanto o desenvolvimento do aplicativo é uma iniciativa sem fins lucrativos, mas segundo os organizadores, em razão dos custos associados à manutenção do Be My Eyes há um planejamento para se criar um modelo de negócio sustentável baseado num modelo de assinatura e/ou doações.

 

Referências

BBC
App links sighted helpers with blind people por Damon Rose

MAILONLINE
The app that helps blind people ‘see’ por Victoria Woollaston

Colaborou: Francisco Arlindo Alves